EXCLUSIVO: Laboratório Paulista é investigado por “fraudes em laudos de exames clínicos”; direção se pronuncia
3 de setembro de 2019
Amazônia: o coração verde do planeta
3 de setembro de 2019

O Fernandópolis Futebol Clube não responde por atos relacionados a “fraudes em universidade”

Fernandópolis Futebol Clube

O FERNANDÓPOLIS FUTEBOL CLUBE NÃO RESPONDE POR ATOS RELACIONADOS A “FRAUDES EM UNIVERSIDADE”

Um clube de futebol tem que ser cobrado pelos resultados dentro de campo. Um clube de futebol tem que ser cobrado pela estrutura física, condições de acomodações e qualidade da alimentação oferecidas a seus atletas. Atletas profissionais e da base.

Um clube de futebol deve sim ser cobrado, por diversas ações em seu dia a dia de trabalho.

Um clube de futebol só não deve ser cobrado por ações alheias a suas atividades esportivas.

O Fernandópolis Futebol Clube tem um único objetivo esse ano: levantar a taça de campeão e subir para a Série A3 de 2020.

O Fernandópolis Futebol Clube deve garantir o máximo de conforto e bem-estar a seus atletas, para que, dentro de campo, continuem honrando um Manto que nasceu muito antes de qualquer faculdade e universidade de nosso município.

Por respeito aos atletas, à comissão técnica, bem como a todos seus familiares, e também em consideração aos torcedores da Águia de Sangue Azul, o Fernandópolis Futebol Clube garante que permanecerá na disputa do Campeonato Paulista Sub-23 da Segunda Divisão, competição organizada pela Federação Paulista de Futebol.

O vereador Ademir de Almeida, que é o atual presidente da Câmara Municipal de Fernandópolis, figura como titular do conselho deliberativo, justamente quem deverá assumir o clube na impossibilidade do cargo ser exercido pelo presidente ou vice-presidente.

Ademir de Almeida não poderá assumir a presidência do Fefecê por ser presidente da Câmara Municipal. Como ele está em viagem a Brasília, o nome que assumirá o comando do clube será definido somente após o jogo deste domingo, dia 8, no Claudio Rodante, diante do São José EC, às 10h.

Outras questões estão sendo resolvidas com a participação de alguns vereadores, entre eles, Étore Baroni, e também de empresários e demais diretores do Fefecê.

O Fernandópolis Futebol Clube continua focado no título, no acesso e está estruturado para se manter de pé até o final do campeonato!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *