São Paulo Sub-20 bate Palmeiras em pleno Allianz
28 de novembro de 2018
Palmeiras já vendeu 28 mil ingressos para jogo da taça
28 de novembro de 2018

Carille aguarda rescisão para voltar ao Corinthians

Portal UOL de Notícias/Esporte

 

O técnico Fábio Carille está perto de voltar ao Corinthians na temporada 2019. O clube paulista já tem um acerto com o treinador e agora aguarda a rescisão de contrato dele com o Al-Wehda, time da Arábia Saudita. Há otimismo corintiano em relação ao retorno, porque a diretoria crê que a saída do técnico da equipe não será problema.

A expectativa é que todos os integrantes da comissão técnica de Carille voltem ao Corinthians. São eles: o preparador de goleiros Mauri Lima, o auxiliar técnico Leandro da Silva, o preparador físico Walmir Cruz, o observador técnico Mauro da Silva e o analista de desempenho Denis Luup.

O Corinthians não tem pressa para o desfecho da situação e aguarda o término do Brasileirão – o Corinthians disputa a última partida no próximo domingo, contra o Grêmio, em Porto Alegre. Enquanto isso, Carille e os integrantes da comissão negociam a quebra de contrato.

Para contratar o treinador, o Corinthians terá de abrir os cofres. O clube precisa pagar 700 mil dólares (R$ 2,7 milhões) de multa contratual com o Al-Wehda. O salário de Carille também seria maior que o da passagem anterior – ele recebia R$ 300 mil mensais na época.

A reaproximação entre Carille e Corinthians começou a se desenhar há dez dias, após um encontro entre o presidente Andrés Sanchez e o empresário do treinador, Paulo Pitombeira. Os dois jantaram juntos em Londres e a situação do técnico foi abordada.

A tentativa de contratar Carille ocorre em meio à fase instável do Corinthians sob o comando de Jair Ventura, que chegou ao clube paulista em setembro, mas não correspondeu às expectativas, embora tenha levado o time à final da Copa do Brasil. No Campeonato Brasileiro, porém, o Corinthians correu risco de rebaixamento – antes de Jair, Osmar Loss treinou a equipe em 25 jogos.

Depois do empate sem gols com a Chapecoense no último domingo, Jair afirmou que não foi informado sobre o planos do clube para o futuro. Já o diretor de futebol do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, não cravou a permanência do técnico e evitou falar sobre as intenções do clube para 2019.

Carille voltaria ao Corinthians depois de uma rápida passagem pelo Al-Wehda, time da Arábia Saudita. O treinador de 45 anos deixou o time paulista no fim de maio, depois de receber uma proposta milionária.

Carille se tornou treinador do Corinthians no começo de 2017, após a saída de Oswaldo de Oliveira. Cinco meses depois, ele levou o time alvinegro à conquista do Estadual. No fim do ano, a equipe se sagrou campeão brasileiro. Em 2018, faturou o Paulistão novamente.

No total, o técnico comandou a equipe alvinegra em 114 jogos, com 59 vitórias, 32 empates e 23 derrotas, incluindo as partidas que fez como interino, em 2010 e 2016. No Al-Wehda, Carille soma apenas dez partidas, com cinco vitórias, três empates e duas derrotas.

 

(Foto: Rodrigo Gazzanel/Agência Corinthians)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *