A cultura nunca foi tão necessária
16 de maio de 2020
Últimos dias para alunos retirarem material pedagógico na EELAS
17 de maio de 2020

Prefeito e vereadores se manifestam após Revoluir mostrar divergências em repasses da Central Park

Central Park deverá apresentar sua versão em entrevista exclusiva que será concedida ao Revoluir nesta segunda-feira, dia 18, no Paço Municipal

O prefeito André Pessuto entrou em contato com o Revoluir na tarde deste sábado (16), após publicação de matéria que revelou divergências nos demonstrativos de repasses da Central Park pagos à Prefeitura de Fernandópolis.
Demonstrativos oficiais da Central Park obtidos pelo Revoluir em abril de 2019 têm valores superiores dos que constam em um novo demonstrativo, também oficial e assinado por um diretor da empresa que explora a Área Azul da cidade, a que o site teve acesso na última sexta-feira (15).
No novo documento, com data de 10 de março, estão todos os 15 repasses realizados de dezembro de 2018, início do contrato que reativou a nova Área Azul, até fevereiro de 2020.
As divergências estão nos repasses de três meses e somam R$ 9.346,61.
A Central Park já foi comunicada pela Prefeitura, e Pessuto assegurou que irá apurar pessoalmente este caso.
Além de André Pessuto, os vereadores Murilo Jacob e João Pedro também procuraram o Revoluir para comunicar que se empenharão para esclarecer a razão das divergências dos valores repassados à Prefeitura.
Um entrevista exclusiva será concedida ao Revoluir nesta segunda-feira, dia 18, no Paço Municipal. Acompanhe o site e confira todas as novidades sobre este caso.

 

  •  MATÉRIAS RELACIONADAS À ÁREA AZUL DE FERNANDÓPOLIS

 

Revoluir encontra divergências em repasses da Central Park: quase R$ 10 mil a menos da Área Azul aos cofres municipais?

Administração Pessuto cobra R$ 2,6 milhões de Ana Bim em ressarcimento da “Área Azul”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *